Veja mais de 10 dicas para realizar da melhor forma possível a substituição do cilindro mestre do freio do seu automóvel!

Nesta matéria abordaremos a melhor forma de realizar a troca do cilindro mestre.

O cilindro mestre tem a função de pressurizar a linha de freio assim que o pedal de freio é acionado pelo condutor.

O cilindro de freio pode ser composto por um único pistão ou dois pistões em paralelo ou em série.

Cilindro Mestre em Série
Cilindro Mestre em Série

Fonte: Breque Auto Freios

Este componente é o principal componente da linha de freio, sem ele e a linha de freio, jamais seria possível exercer alguma força na pastilha para que esta entre em contato com o disco de freio.

Veja Também:

Troca do Tambor e Regulagem da Sapata de Freio

Como Identificar Falhas no Servo Freio?

Este componente é diretamente ligado ao pedal de freio do condutor.

Confira abaixo 10 dicas na hora de realizar a troca do cilindro mestre do seu carro com mão de obra especializada.

10 Dicas de como trocar o cilindro mestre do carro

  • Cuidado ao retirar o reservatório: O material pode estar ressecado, ou por descuido da pessoa que esta realizando a manutenção é comum a quebra do duto de saída do fluido de freio do reservatório. Dependendo do Modelo, alguns reservatório necessitem de ferramentas específicas para sua remoção.
  • Desencaixe todos os dutos de saída do cilindro mestre antes de removê-lo – Isso ajuda na hora da remoção do cilindro mestre.
  • Após a remoção do cilindro mestre do veículo verificar se é necessário a troca do conjunto – Muitas vezes apenas uma manutenção no componente é o suficiente para que ele volte a trabalhar normalmente.
  • Cuidado para não bater ou derrubar o cilindro mestre na hora da montagem – Por mais robusta que sua carcaça seja, o cilindro mestre conta com pequenas peças em seu interior que podem sofrer danos caso o conjunto seja derrubado.
  • Não rosquear os parafusos do duto de forma incorreta – Esse procedimento errôneo pode comprometer a estanquidade do conjunto, não entregando a pressão necessária para a pastilha de freio.
  • Reservatório reaproveitado deve sofrer higienização – Caso o reservatório a ser instalado seja reaproveitado é necessário a remoção das impurezas para que o novo fluido de freio não seja contaminado.
  • Nunca utilize gasolina, querosene ou óleo diesel para limpeza do conjunto – As borrachas presentes neste sistema não são projetadas para entrar em contato com estas substâncias, podendo ressecar ou até mesmo dilatar, travando o sistema de freio ou não pressurizando o sistema.

  • Lubrificar todos os componentes com o próprio fluido de freio – Esta ação faz com que os componentes estejam previamente lubrificados antes de realizar seu trabalho e evitando esforço durante a montagem.
  • Utilize o fluido de freio recomendado pelo fabricante – Nunca utilize fluidos com especificações diferentes das recomendadas pelo fabricante. Esta prática pode comprometer o funcionamento do sistema de freio. (Complete sempre entre o nível mínimo e médio – descrito no tanque)
  • Verificar se a luz indicadora do nível de fluido de freio esta acendendo no painel – Sempre que ocorre a troca do cilindro mestre é necessário verificar se o sistema está reconhecendo o sensor de nível novo.

Confira no vídeo abaixo como realizar as dicas descritas acima.

Como substituir o cilindro mestre de freio (mecânica automotiva) do canal Ivair Puerta – Tutoriais

Crédito da foto de capa: Speed Hunters

Encontre lojas que entregam peças relacionadas a matéria:

Freios
Pastilha de Freio
Disco de Freio
Pinça de Freio
Cilindros de Roda & Cilindro Mestre

Comentários