Veja os 6 golpes mais comuns na compra e venda de carros usados

os 6 golpes mais comuns na compra de um carro usado

Com o reajuste constante do preço dos veículos zero-quilômetro, o consumidor está procurando cada dia mais os veículos seminovos e usados. Confira a seguir algumas dicas de como minimizar as chances de ser enganado na hora de avaliar a compra de um carro usado

Estado de conservação, quilometragem baixa, ano/modelo recente, são características que chamam a atenção na hora da busca por uma alternativa ao veículo zero-quilômetro. Com uma depreciação no valor de cerca de 15% em 2 anos, em relação ao veículo novo, os seminovos são uma ótima alternativa, mantendo inclusive a garantia de fábrica em alguns casos. Porém alguns cuidados devem ser seguidos.

De acordo com um levantamento feito pela franquia de vistorias Super Visão, utilizando os dados de sistema referentes às vistorias Certicar® e Cautelar, os golpes praticados na venda de carros usados, são realizados com frequência. Segundo as informações levantadas pela empresa, cerca de 13% dos automóveis apresentam adulterações, falta de regularização, sinistros ou reparos estruturais significativos motivados por danos severos. Além disso, 27% possuem restrições que depreciam o carro ou que podem causar transtornos para a sua regularização.

Foto: divulgação Super Visão

Veja a seguir os 6 principais golpes realizados na hora de comprar um veículo usado e as adulterações em que deve-se prestar atenção:

Quilometragem adulterada

O proprietário ou agenciador, diminui a quilometragem percorrida para valorizar o veículo. Por isso, é importante verificar o desgaste de alguns itens do carro, como bancos, volante, pedais, câmbio, que podem ser bons indicativos da condição real do veículo.

Ocultar colisões

Colisões comprometem não só a lataria, como também estrutura do veículo, desta forma, os reparos devem ser realizados com peças autênticas para manter o valor de mercado.

Apesar disso, o valor de um reparo com peças genuínas ou OEM, costumam ser mais elevados e muitos optam por apenas disfarçar as batidas, ou mesmo, usando peças paralelas de baixa qualidade e fazendo o reparo na lataria sem a substituição necessária da peça, realizando o reparo de forma precária com massa e pintura.

Peças falsas

Falando em peças, por muitas vezes, elas precisam ser substituídas, seja por colisão ou por desgaste natural. Porém, como as peças genuínas e originais possuem o valor elevado, há quem opte por peças paralelas ou mesmo, falsificadas, muitas vezes com a logomarca de uma peça genuína. Fique atento aos emblemas originais do fabricante ou fornecedor da montadora. Veja se, peças que são duplas no veículo (setas, faróis, lanternas, vidros), possuem a mesma logomarca estampada e caso haja diferença, questione o vendedor.

Situação dos pneus

Tapear o visual dos pneus é algo também praticado com frequência. Aplicando produtos como silicone para embelezar a aparência externa da peça. Um pneu costuma durar cerca de 40 mil quilômetros em média e é preciso ficar atento se a troca foi realizada antes de atingir essa marca ou se os pneus aparentam estar novos demais.

Verifique também o estepe, caso a quilometragem do veículo seja baixa, a maioria dos veículos trafega com estepe igual aos pneus utilizados para rodar, se forem diferentes, desconfie.

Veja também:

Guia de compra: VW Tiguan é ótimo SUV mas precisa de cuidados na aquisição

Guia de compra: VW Passat B6 e B7, veja os pontos de atenção do motor TSi

Valor muito abaixo da tabela

Há quadrilhas especializadas em falsificar documentos, clonando carros roubados. Além disso, o valor muito baixo pode indicar veículos em nomes de terceiros, que são vendidos por um preço mais baixo, não pagando o financiamento, por exemplo.

Fuja de veículos “só para rodar”, além de correr o risco da perda do dinheiro investido, dependendo do caso, você pode ser enquadrado em crime de receptação. Por isso, é extremamente importante saber a procedência do veículo.

Carga no ar-condicionado

Para mascarar falhas no ar-condicionado, algumas pessoas realizam uma carga de gás nesse aparelho. É importante verificar se não há algum vazamento. Se houver, pode ser que o aparelho pare de funcionar de novo em um curto período.

Como evitar cair nesses golpes?

A melhor forma de evitar cair nesses golpes é avaliar as reais condições estruturais, da pintura, manutenção e de identificação do carro, assim como analisar a procedência e histórico, tanto do carro quanto da documentação.

Para isso, o ideal é procurar a ajuda de um especialista em vistoria automotiva. “Durante as vistorias Certicar® e Cautelar verificamos toda a funilaria e presença de itens acessórios, analisamos a integridade estrutural, originalidade de chassi, motor e câmbio, além de fazermos uma checagem do histórico do veículo e da situação documental do carro, o que ajuda a evitar fraudes, além de garantir que os equipamentos obrigatórios estão em estado de uso adequado para a circulação no trânsito”, explica Beto Reis, sócio-diretor da Super Visão, a maior rede de franquias de vistorias automotivas do Brasil.

Veja um pouco mais sobre essas questões no vídeo a seguir gravado com o pessoal da Super Visão e Amigos Por Carros

Guia de compra do VW Jetta: veja a seguir as principais questões em que é necessária atenção

Sobre a Super Visão

A Super Visão Vistorias Automotivas é uma rede de franquias com mais de 16 anos de experiência, que oferece ao mercado corporativo e ao cliente final soluções para garantir segurança nas negociações de compra e venda de automóveis. Com mais de 160 unidades espalhadas em 22 estados e no Distrito Federal (marcando presença em 112 cidades ao todo), a marca está em plena expansão e é responsável por produzir mais de 80.000 laudos mensalmente. A empresa oferece mais de sete soluções ao mercado, entre as principais estão: a Vistoria Certicar®️, Vistoria Cautelar e o Laudo para transferência, sendo a primeira um serviço exclusivo da Super Visão, além de ser a vistoria veicular mais completa do mercado.

Foto de capa: GaiBru Photo Direitos autorais: © 2019 Carlos Miguel Forero – Creative Commons

Encontre lojas que entregam peças relacionadas a matéria:

Correias
Vela de ignição
Cabo de ignição
Bobina de ignição
Bateria

Comentários

Newsletter - Receba grátis conteúdo sobre mecânica

SIGA O CANAL DA PEÇA

Marcas

Marketplace

Oficinas Parceiras

Anuncie sua marca!

GetNinjas
PneuStore
C6Bank

Receba grátis conteúdo sobre mecânica

Utilizamos cookies para proporcionar a melhor experiência de navegação dos nossos usuários. Confira os detalhes na nossa Política de Privacidade

Newsletter
Receba grátis conteúdo sobre mecânica

Receba grátis conteúdos sobre mecânica